NOS 80 ANOS DE “O MOSQUITO” (por F. Cardoso) – 1

Mosquito pequeno 2 725Como os ecos das celebrações do 80º aniversário d’O Mosquito ainda não esmoreceram — visto continuar patente até ao fim deste mês a mostra que lhe foi dedicada pela Biblioteca Nacional, em parceria com o Clube Português de Banda Desenhada, que também organizou duas exposições na sua sede —, temos o grato prazer de apresentar neste blogue um artigo da autoria de F. Cardoso, profusamente ilustrado e recheado de apontamentos históricos e documentação com inegável interesse acerca da mais emblemática revista infanto-juvenil portuguesa, focando inclusivamente os vários locais onde funcionaram as suas redacções e as suas oficinas gráficas, que ao longo das últimas décadas se tornaram ponto de romaria para muitos dos seus antigos leitores e colaboradores, sobretudo o prédio situado no bairro dos jornais, em pleno Bairro Alto.

Além de ser um fenómeno raro de popularidade, O Mosquito representa o elo de ligação mais perene e profundo entre várias gerações de entusiastas das histórias aos quadradinhos, que vêem na longevidade (nostálgica e afectiva) deste titulo um dos maiores símbolos da importância de um meio de expressão que artística e intelectualmente já atingiu os mais altos níveis e continua a despertar o interesse dos leitores comuns e dos eruditos, entronizado na nossa cultura popular com o nome idiomático de Banda Desenhada.

Resta-nos agradecer a F. Cardoso a amável partilha de um texto que pelo seu realce memorialista e iconográfico será certamente do agrado de todos os que nos visitam. Como o artigo é longo para os nossos padrões habituais, tivemos de dividi-lo em duas partes. Em breve apresentaremos a segunda.

Nos Oitenta Anos de “O Mosquito” – por F. Cardoso

Fez oitenta anos no dia 14 de Janeiro de 2016 que, numa 3ª feira, apareceu à venda em
Lisboa o primeiro número do jornal infantil “O Mosquito”.

Mosquito nº 1 capa469

Este semanário foi criado em 1936, por iniciativa de António Cardoso Lopes Júnior (1907-1985) e de Raul Correia (1904-1985), ficando este jornal infantil domiciliado numa oficina gráfica situada num prédio da Travessa das Pedras Negras, o n.º 1, junto à “Baixa” em Lisboa.

A 17 de Novembro de 1939, quando da publicação do n.º 201 (imagem em baixo), encontrava-se então já instalado no “Bairro Alto”, na Travessa de São Pedro n.º 9, rés-do-chão esquerdo.

Boletim Cardoso - Mosquito 201 136

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-16 Aa

Anos mais tarde e depois de um sucesso editorial ímpar, os dois sócios separaram-se, devido a dificuldades financeiras, e quando o n.º 979 deste jornal infantil foi publicado, no dia 10 de Novembro de 1948, encontrava-se já sedeado no Largo Trindade Coelho, n.º 9 – 2º (imagem em baixo), também no “Bairro Alto”, mas agora com Raul Correia associado a António Homem Christo, da Editorial Organizações, Lda, que durante anos fora a distribuidora de “O Mosquito”.

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-16 Ab

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-17

O último número de “O Mosquito”, na posteriormente considerada a sua primeira série, foi o 1412, publicado no dia 24 de Fevereiro de 1953 (uma 3ª feira).

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-18

António Cardoso Lopes que, como desenhador, usava o pseudónimo de Tiotónio, continuou instalado na Travessa de São Pedro n.º 9, r/c esq., publicando um novo jornal infantil, “O Gafanhoto”, cujo primeiro número saiu a 11 de Dezembro de 1948. 

Boletim Cardoso - Gafanhoto 1 137

Como tintinófilos, vamos agora inteirar-nos do que se passava com “Tintin”, nessa mesma altura. Quando “O Mosquito” surgiu nas bancas de jornais, as histórias deste herói belga ainda não eram publicadas em Portugal, sendo as Aventuras de Tim-Tim na América do Norte a primeira que “O Papagaio” apresentou em Lisboa aos seus jovens leitores, no dia 16 de Abril de 1936 (uma 5ª feira).

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-20

No entanto, foi no dia 16 de Janeiro de 1936 que, em Bruxelas, o “Le petit vingtième”, com mais duas páginas de L’oreille cassée, apresentou a imagem de “Tintin” mais próxima do aparecimento de “O Mosquito”, como seguidamente se pode ver.

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-21

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-22

47-16 - BOLETIM FEVEREIRO 2016-23

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s